100%

Vereador Marcelo Nogaroli pede detalhamento sobre atendimento e informações sobre a liberação do FGTS.

Vereador Marcelo Nogaroli pede detalhamento sobre atendimento e informações sobre a liberação do FGTS. Foto: assessoria da Câmara de Vereadores

O vereador Marcelo Nogaroli esteve na Secretaria de Assistência Social na sexta-feira (17) em reunião com o Secretário Alexandre de Oliveira para tratar sobre os assuntos relacionados a liberação do FGTS para as famílias atingidas pela forte chuva que inundou diversos bairros no município no mês de fevereiro.

A prefeitura lançou nota informando que a partir do dia 27 de maio, uma equipe estará atendendo os atingidos pelas cheias,  coletando copias de documentos para a formalização do pedido na liberação do FGTS, porém ao confrontar a lista das ruas cadastradas e informadas pela nota, o vereador percebeu que muitas ruas atingidas não foram informadas no documento encaminhado a Caixa Econômica. Muitas pessoas acabaram buscando informação com o vereador e criticando a falta de informação dada pela nota da prefeitura. O vereador fez vários questionamentos e pediu para que a secretaria pudesse intervir no detalhamento das informações.

O Parlamentar usou como exemplo algumas ruas atingidas no bairro Jardim Icaraí que não constam nos registros da Caixa como pontos atingidos pela forte chuva. Ele cobrou do secretário se existe a possibilidade de retificar esta mesma lista, fazendo uma atualização de dados junto à Caixa Econômica, pois segundo o vereador, estes moradores não podem ser prejudicados, já que houve falha no cadastramento das ruas.

O Secretário de Assistência Social Alexandre de Oliveira, disse ao vereador Marcelo Nogaroli que a partir do dia 27 de maio, uma equipe composta por funcionários da prefeitura, coordenador da Defesa Civil e um representante da Caixa Econômica Federal, estarão disponíveis para atendimento. Essa equipe estará capacitada para tirar toda e qualquer dúvida.

Quanto a situação das ruas que não foram cadastradas, o secretário disse que há possibilidade de um segundo cadastramento das ruas que não constam no sistema.

O secretário lembrou ao vereador que o cadastramento não dá direito ao saque imediato e que uma tabela deve ser utilizada para a liberação deste recurso. Segundo Alexandre, até o mês de julho, todas as pessoas que realizaram o cadastramento e que estiverem regularmente documentadas, a Caixa entrará em contato por telefone ou mensagem de texto via celular, avisando que o dinheiro está liberado.

O Secretário lembrou de que, caso um morador que não tenha feito o cadastramento, mas a rua tenha sido cadastrada, ele também poderá sim solicitar a liberação do FGTS.

Alexandre deixou claro ao vereador que a prefeitura fez sua parte mapeando todas as ruas e dará toda a assistência no atendimento para  as pessoas atingidas e que a partir de agora,  a Caixa Econômica também faça a sua parte, concluiu.

 
Cadastro de solicitação de saque do FGTS inicia no dia 27 de maio

Nota da Prefeitura: 


Atendimento seguirá cronograma estabelecido pela Caixa Econômica Federal
Entre os dias 27 de maio e 7 de junho, a Prefeitura Municipal de Barra Velha vai realizar o cadastro de solicitação de saque do FGTS para moradores atingidos pela enchente de fevereiro.
Terão direito ao saque pessoas que tenham o endereço registrado na lista das residências atingidas, disponível para consulta no Portal do Cidadão em www.barravelha.sc.gov.br. O credenciamento será realizado de acordo com o cronograma estabelecido pela Caixa Econômica Federal, no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), das 9h às 16h, sem fechar para o almoço. O CRAS está situado na Rua José Alberto dos Santos, 977, bairro São Cristóvão, local onde funcionava o antigo “Sopão”.

O atendimento seguirá o seguinte cronograma:

  •       Nascimento em janeiro atendimento dia 27 de maio;

  •       Nascimento em fevereiro atendimento dia 28 de maio;

  •       Nascimento em março atendimento dia 29 de maio;

  •       Nascimento em abril e maio atendimento dia 30;

  •       Nascimento em junho e julho atendimento dia 31;

  •       Nascimento em agosto e setembro atendimento dia 3 de junho;

  •       Nascimento em outubro e novembro atendimento dia 4 de junho;

  •       Nascimento em dezembro atendimento dia 5 de junho.

Quem não puder comparecer no dia correspondente à sua data de aniversário, deve ir até o CRAS nos dias 6 e 7 de junho. O limite de saque é de R$ 6.220,00 por conta vinculada.

Para fazer o credenciamento, o morador deve apresentar documento de identificação, CPF e comprovante de residência emitido entre 20 de outubro de 2018 e 16 de fevereiro de 2019.

O comprovante deve estar em nome do trabalhador, em nome dos pais ou companheiro (a), com cópia de certidão de casamento ou união estável. O trabalhador também deve apresentar o formulário de solicitação de saque do FGTS, disponível para preenchimento e impressão no CRAS ou no Portal do Cidadão. Por fim, o morador precisa apresentar a Carteira de Trabalho e cópia de identificação (página com foto e qualificação civil), número do PIS e contratos de trabalhos registrados. Vale lembrar que todos os documentos listados devem estar acompanhados por cópias.

A Prefeitura ressalta ainda que as informações contidas na ficha de solicitação de saque devem estar corretas, visto que a Caixa Econômica Federal entrará em contato com os trabalhadores por meio das informações de contato contidas no formulário para tirar dúvidas ou anunciar a data em que o benefício será disponibilizado. 
 

Protocolos desta Publicação:Criado em: 20/05/2019 - 18:52:36 por: Cristiano André Zonta - Alterado em: 20/05/2019 - 18:52:36 por: Cristiano André Zonta

Notícias