100%

Vereador Marcelo Nogaroli aponta ineficiência na gestão e pede providências.

Vereador Marcelo Nogaroli aponta ineficiência na gestão e pede providências. Foto: assessoria da Câmara de Vereadores

O vereador Marcelo Nogaroli (MDB), ao fazer uso da palavra livre na sessão ordinária na terça-feira, falou da importância em conservar os patrimônios públicos do município. Disse ainda que tais manutenções devem ser realizadas periodicamente a fim de conservar estes importantes espaços públicos  que o cidadão utiliza diariamente. Nogaroli alertou também sobre a construção da nova Unidade Básica de Saúde,  que considera importante para a cidade, mas lembrou que as demais repartições merecem a mesma atenção, ou seja, se a prefeitura não manter estes espaços com qualidade de uso, com o passar do tempo, a tendência é que mais dinheiro público acabe sendo utilizado por falta de cuidado e zelo. Temos que reconhecer as escolas, por exemplo, onde a maioria recebeu a devida manutenção e pintura, acrescentou.

O Parlamentar visitou a cidade de Pomerode, que no período da Páscoa recebe milhares de turistas, destacando a administração local que se preocupa em manter tudo limpo e organizado. A cidade num modo geral é apresentável sem deixar a desejar em nada absolutamente, diferente de Barra Velha infelizmente, que nos deixa envergonhados por tudo que presenciamos, disse.

Nogaroli fez duras críticas ao prefeito cobrando eficiências do executivo, transparência nos investimentos, pontuando uma série de ações em que o gestor se quer finalizou:
 
- Iniciaram a obra que daria opção aos moradores das Três Coxilhas para que eles não precisassem contornar toda a BR 101 e até o presente momento não finalizaram, deixando toda a comunidade sem resposta. Falta uma equipe no executivo que possa dar continuidade na fiscalização e finalização dessas obras, até porque ultimamente, tudo que se começa, não se termina;

- A ponte do bairro Sertãozinho é outra obra que não foi concluída. Com os recursos conquistados pela da Defesa Civil, fizeram a instalação da ponte sem finalizar com a proteção nas laterais, tampouco asfaltaram o que foi destruído com a reforma;

-Na região central asfaltaram as principais Ruas, modificaram o trânsito, no entanto, não condicionaram a colocação do asfalto com a substituição da tubulação conforme o projeto. A drenagem nestas Ruas são prioridades para evitar as cheias;

- Virou rotina a tubulação da CASAN estourar periodicamente, pois não suporta mais o tráfego dos veículos. Com a alteração do trânsito, a Secretaria de Planejamento esqueceu de pontuar que o fluxo aumentou consideravelmente e ninguém se atentou e se preparou para isso;

- O semáforo da Rua Paraná faz três semanas que foi instalado e até agora se quer colocaram em funcionamento. Isso sem falar na abertura do asfalto para a instalação de toda a fiação e que até agora ninguém mexeu;

- A Rua Cirino Cabral é outra briga. Estou sempre pedindo solução em nome dos moradores e de quem utiliza a via. O asfalto quente e a pedreira não são mais problemas para o prefeito;

- Medicamentos nas Unidades de Saúde tais como: remédios para os diabéticos, controle da pressão arterial, aos cardíacos, entre outros que estão faltando há dois meses e nós não podemos admitir isso;

- Qual a prioridade com a arrecadação do IPTU?  "A transparência em poder mostrar para a população quais projetos serão executados". O governo precisa acordar, sobretudo, para as ações de políticas públicas e não acordar somente por saber que ano que vem terá eleições. De nada adiantará no final de mandato querer investir em obras com empréstimos violentos  enganando a população e deixando uma dívida para o próximo gestor quitar. Temos que pensar muito nessa situação e começar a pensar em não mais deixar que se coloquem tanto dinheiro fora;

Nestas pontuações, o vereador alertou ainda que é preciso se preocupar e informar a população, pois esta responsabilidade não é dos vereadores, disse. Se preciso for, mostraremos todos os dias os vídeos que o prefeito tanto odeia, colocando à prova os problemas do município, alertou.

Tentamos ser diplomáticos para resolver da melhor maneira possível, mas não adianta. Estamos diariamente dialogando com o gestor, apresentando os problemas emergenciais, pois estes chamados são feitos pela população que muitas vezes procura o vereador como última cartada a fim de resolver os problemas dos bairros, destacou Nogaroli.

“Se é maquinário, asfalto, galeria, entres outras necessidades estruturais que estão sempre sendo usadas como desculpas, porque não se pensou lá no início do governo” - questionou.

Já chega de suportar tanta enrolação e o mau uso do dinheiro público. Nós não podemos ser mais enganados e precisamos cobrar transparência e não mais desculpas.  Não queremos mais ouvir nas Ruas que o prefeito não consegue trabalhar por conta dos vereadores que não colaboram com o desenvolvimento do município. Eu quero que ele aponte qual foi o projeto que barramos nesta casa e que prejudicou a população, questionou.
O Parlamentar finalizou afirmando que o Poder Público tem que mudar e ser eficiente.
 
 
 

Protocolos desta Publicação:Criado em: 12/04/2019 - 15:29:56 por: Cristiano André Zonta - Alterado em: 12/04/2019 - 15:29:56 por: Cristiano André Zonta

Notícias