100%

Marciel clama à Prefeitura para que Rua Colon não vire um “vale do desespero” no São Cristóvão

Um contundente alerta sobre as alterações efetuadas no entorno da Rua Colon, no bairro São Cristóvão, em Barra Velha, que estão transformando o local em uma bacia que se torna, cada vez mais, uma espécie de “vale do desespero”, foi feito pelo vereador Marciel Berlin (PSB), na sessão legislativa desta terça-feira, dia 4 de abril, no Plenário Getúlio Bitencourt, da Câmara de Barra Velha. Marciel prestou apoio aos cerca de 20 proprietários de imóveis atingidos pela água e lama, durante a forte enxurrada ocorrida no sábado anterior à Páscoa. Os moradores estavam presentes à sessão da Câmara.

Marciel demonstrou conhecer bem a região e o histórico da Rua Colon – antiga extensão da Rua David Pedro Espindola, a qual teve o nome alterado e começa no popular Bar do Boró, na condição de lateral da Rua Bento José Luiz, no São Cristóvão, e de demais ruas das proximidades, como as Ruas Maria Ramos de Oliveira e a Otacílio João de Oliveira. “São ruas que homenageiam moradores da família, do saudoso Janguinha, do Valdomiro de Oliveira, os Pinóca, tradicionais moradores do São Cristóvão”, destacou Marciel.

De acordo com o vereador, deve ser urgente a ação da Prefeitura visando encontrar soluções e garantir a drenagem da Rua Colon e vias próximas, como a Maria Ramos de Oliveira e Otacílio de Oliveira, que segundo ele, passam por profundas transformações, não desde os tempos da instalação da Parada Havan, mas também com aterros particulares.

Todos os aterros geraram um impacto ambiental nas casas próximas, segundo o parlamentar. “Com aterros do lado esquerdo e direito, pois são vários proprietários, a Havan joga água para baixo; todas essas ruas, que são baixas, viraram uma bacia”, destacou. “Esses moradores estarão condenados, caso a Prefeitura e os responsáveis pelos aterros não ajam rapidamente.

O mais trágico, na palavra do vereador, é a sensação dramática de ver a água entrando na sua casa, e destruindo o que está pela frente. “Temos, os vereadores, argumentos para expressar o sentimento de tristeza, até mesmo de impotência, diante das intempéries”, pontuou.

Berlin destacou que praticamente todos os bairros sofreram em virtude das inundações na véspera da Páscoa, mas a Rua Colon viveu momentos assustadores. “Foi um pavor, um desespero, de todo mundo, e a gente sofre com os vizinhos, com os barra-velhenses”, acrescentou.

“Numa noite de tempestade, você deita de um modo, e acorda de outro. Deita devendo algumas prestações, pois o ser humano gosta de adquirir algum conforto para si e para seus filhos; se planeja, compra uma geladeira nova, um guarda-roupas novo, um simples móvel que custa R$ 150 ou R$ 200, ainda assim parcelado em 10 vezes, para dar algo melhor para sua família. Semana passada, a Defesa Civil alertou, mesmo assim muitos foram pegos de surpresa”.

Para Marciel, a ação para reversão desse quadro começa com um estudo de viabilidade de drenagem, mostrando para onde vai desaguar essa água, em conjunto com Planejamento, Fundema e Secretaria de Obras. O pedido foi feito diretamente por ele, na ‘palavra-livre’, ao prefeito Valter.

Marciel aproveitou para criticar e questionar como a Prefeitura liberou os aterros particulares na Rua Colon sem atentar para a questão da drenagem. “Nenhuma terraplanagem faz aterro sem autorização. E ali nenhum aterro pode sair sem um estudo que mostre para onde vai essa água, senão o Município vai estar contribuindo para a destruição dessa comunidade”, alertou o socialista, solicitando ao presidente do Legislativo, Alex Palmital (PSD), redija ofício exigindo da Prefeitura o estudo da drenagem

 

Câmara de Vereadores ■ Assessoria de Comunicação
Fone (47) 99921.4527 ou 3446.7800, ramal 808
Texto: Juvan Neto – Jornalista SC 01359 JP
Informação Pública 051/2018

Notícias

Segunda sessão mensal da Câmara Mirim.
Segunda sessão mensal da Câmara Mirim.

Aconteceu na terça-feira, dia 23 de abril, a segunda sessão da Câmara Mirim dos Vereadores Mirins às 15h no plenário Getúlio Bittencourt na Câmara de Vereadores de Barra Velha.

Nota de Pesar
Nota de Pesar

O Presidente da Câmara de Vereadores de Barra Velha, vereador Eduardo Peres - o Tainha, em nome de todos os vereadores e funcionários, manifesta com profundo pesar, o falecimento do ex-prefeito do município de Barra Velha, Sr. Samir Mattar ocorrido na tarde desta quarta-feira, 1º de maio de 2019.