100%

Câmara firma cooperação em Brasília para instalar rádio e TV educativas em Barra Velha

Agenda cumprida pelo presidente da Câmara de Vereadores de Barra Velha, Alex Sandro Correia dos Santos, o Alex Palmital (PSD), em Brasília, resultou numa parceria inédita firmada com a Câmara dos Deputados, visando a instalação de uma emissora de rádio e televisão educativa em sinal aberto e digital para Barra Velha. O termo de cooperação técnica foi assinado semana passada, entre Alex e o gestor nacional da Rede Legislativa de Rádios e TVs, Alexandre Carrijo Franco, na presença do diretor legislativo da Câmara de Barra Velha, Paulo Roberto Leite.

De acordo com Alex Palmital, as articulações visando a liberação e implantação da “Rádio e TV Câmara de Barra Velha” iniciaram no começo do ano, que resultaram em visitas, no mês de abril, efetuadas pelo presidente e também por Paulo Roberto à Câmara de Vereadores de Itajaí e à Assembleia Legislativa de Santa Catarina, em Florianópolis, onde há as respectivas TV Câmara e TV AL já instaladas. 

“O que nós temos a informar é que é possível instalar as emissoras educativas aqui em Barra Velha, com uma modesta produção própria da Câmara local, iniciando com a transmissão das sessões legislativas ordinárias, produção de programas locais, e programação educativa e jornalística, a partir do material desenvolvido pela TV AL, em Florianóplis, e TV Câmara e TV Senado, em Brasília”, detalha Alex.

Pelo termo de cooperação assinado, à Câmara dos Deputados caber a liberação dos canais digitais de rádio e TV, e Barra Velha monta uma estrutura local. “A princípio, precisamos de uma sala de 10m², já existente na Casa de Leis, onde o estúdio será montado, com um pequeno cenário, mesa de operação, isolamento acústico”, observa Paulo. O projeto é padrão, desenvolvido pelo Ministério da Educação. “Nossa expectativa é que em seis meses, o sinal de Brasília seja liberado para nós”, comenta o presidente.

O termo de cooperação prevê a assessoria técnica tanto de Brasília como da Assembleia Legislativa de Santa Catarina, visando unificar os sinais. Uma antena e um transmissor de 3000 whatts de potência estão previstos, o que garantiria um sinal aberto na região entre Araquari a Navegantes. “Podemos inclusive montar parcerias com Câmaras, por exemplo, de São João do Itaperiú, Balneário Piçarras e Penha, visando a transmissão também de suas sessões e produções próprias”, observa Paulo.

Um modelo pioneiro já existe na cidade de Teixeira de Freitas, na Bahia, e foi inaugurado por Alexandre Carrijo Franco em julho do ano passado. “A Câmara Municipal de Texeira de Freitas teve sua primeira emissora legislativa de rádio do norte/nordeste do Brasil, sintonizada na frequência 90,9 FM e com um transmissor de 3000 Watts de potência para atender Teixeira e região, a Rádio Câmara 90,9 FM”, detalha o jornalista Juvan Neto, assessor de comunicação da Câmara de Barra Velha.

A ideia é que Barra Velha tenha integre essa Rede Legislativa de Rádio e TV, nos mesmos moldes – a produção de jornalismo, no caso, ficaria com o jornalista Juvan, e a assistência técnica com Peter Gudoski, servidor do Poder Legislativo já encarregado do embrião da TV Câmara em Barra Velha, o qual transmite as sessões atualmente pelo site oficial do Legislativo, e também as libera no canal da Câmara no YouTube.

 

Notícias

Revisão biométrica obrigatória.
Revisão biométrica obrigatória.

O eleitor que não fizer a revisão biométrica terá o título de eleitor cancelado e poderá ter o CPF suspenso pela Receita Federal. Prazo vai até o próximo dia 28 de junho de 2019.

Sessões da Câmara Mirim iniciam amanhã
Sessões da Câmara Mirim iniciam amanhã

Eles foram eleitos no final do ano passado através das eleições escolares e agora assumirão o mandato de um ano. O projeto chega a sua 5ª legislatura com o objetivo de ensinar princípios básicos da política para jovens alunos.